PARA QUEM VIVE A CONDENAR A "COPA DO MUNDO NO BRASIL" POR TODAS AS DESGRAÇAS DO BRASIL

VEJA A TREMENDA ARRECADAÇÃO DE IMPOSTOS DO GOVERNO, E QUASE NADA É FEITO EM PROL DO PAÍS! VALE LEMBRAR QUE SÓ EM 2013, FORAM ARRECADADOS, QUASE 1 (UM) TRILHÃO E 700 (SETECENTOS) BILHÕES DE REAIS. AGORA VIVEM A PERSEGUIR A FIFA E A COPA DO MUNDO. QUANDO DEVERIAM PERGUNTAR AO GOVERNO FEDERAL ONDE ESTÁ ESTE MONTANTE, E O QUE ESTÁ SENDO FEITO DELE. Get Adobe Flash player

CONHEÇA MINHA LOJA VIRTUAL!

seta-imagem-animada-0538 Olá Tudo bem? Seja bem vindo (a) à minha LOJA VIRTUAL em parceria com o Magazine Luíza. Para entrar na loja e buscar ótimas promoções, basta CLICAR AQUI e ir direto.

Fique tranquilo (a) que a página, assim como meu Blog são totalmente seguros. Apenas sou um divulgador e ganho comissão por cada venda. Eu não tenho acesso a nada. Tudo fica a cargo da própria empresa, desde processar seu pagamento em ambiente seguro, como, suporte, entrega e toda logística da sua compra. Tudo muito profissional.

Obrigado por ter vindo! Espero que goste. Bons negócios!

Carlos de Albuquerque
Ouça-me cantar a canção "O Que Me Completa"! Composição: Ana Cristina Intérprete: Carlos de Albuquerque Piano: Bruno Aranha Gravado no estúdio de Ataualba Meirelles Técnico de Gravação: Gilvan Alves Salvador-Bahia-Brasil / Março de 2007

TRADUZA PARA 100 IDIOMAS / NOTA: COMPATÍVEL COM NAVEGADOR GOOGLE CHROME, SAFARI E OUTROS

20 ANOS DE AUTO-EXÍLIO. FALTA POUCO...

Falta pouco pra eu completar 20 anos de Auto-Exílio, em DIAS/HORAS/MINUTOS E SEGUNDOS. Cumprindo assim, minha dolorosa promessa, de, só voltar a pisar na minha terra, local de nascimento, no caso, Ceilândia-Norte / Brasília - Distrito Federal, em duas condições: ou rico e bem sucedido, ou pelo menos, bem encaminhado, e/ou quando completasse 20 anos de ausência. Assim, pretendo enfrentar a dolorosa missão de ir à minha terrinha no ano que vem... Enfrentar minhas dores das perdas e sorrir um pouco, talvez. Não conseguiria prosseguir, abandonando de vez o meu passado. Se alguém sente saudades de mim, ou queira talvez, me matar e me aniquilar por algum erro, essa será a chance de ouro. Embora, a função desse objetivo duro, também envolve a minha obrigação de reparação de erros que, infelizmente fugiu ao meu controle. Quem conhece minha vida de perto, pode imaginar do que estou falando. Tenho um dívida impagável por questões éticas, mas pode ser consertada por condições matemáticas. Isso eu farei à aquela família... Enfim... Estarei lá, pra enfrentar o bem e o mal. Abraços e até lá.

A PROVA DE QUE A MAIORIA DOS VERMELHOS SÃO MASSA DE MANOBRA

ATENÇÃO! Atualizações Semanais deste Blog

MAIS UMA NOVIDADE PARA VOCÊ!
ATENÇÃO! NÃO TENHO CUMPRIDO O ROTEIRO DE POSTAR ÀS SEGUNDAS, PORQUE TENHO TIDO POUCO ACESSO À INTERNET, MAS EM BREVE, VOLTAREI A ESTA ROTINA.

AGRADEÇO À COMPREENSÃO!

Olá! A partir de 20/04/2015, farei um post novo e publicarei toda Segunda-Feira. Sempre com um tema diferente. Será postado entre Meia Noite e 1 (uma) da madrugada das Segundas, pontualmente. Ou posso postar a qualquer momento também. Mas esse dia da semana será obrigatório pra mim. Posts fora desse dia específico serão facultativos. Abraços! Espero que gostem... Ou não, da novidade. De qualquer jeito será assim. (risos)Obrigado pela visita! SEJA BEM VINDO (A)!

O Jeffersonn pegou o sentido da contribuição financeira que a Evanette me confiou hoje!

DEPOIMENTOS VIA FACEBOOK

Jeffersonn Oliveira

Acredito que, se esta ajudando este rapaz , o ''trocadilho'' adulto esperança foi bem empregado, e eu entendi perfeitamente que você esta ajudando alguém a colocar uma ideia em prática ....
Curtir (desfazer) · 1 · há 16 minutos

Evanette Oliveira
Perfeitamente Jeffersonn Oliveira você me conhece e sabe como sou...
Curtir (desfazer) · 1 · há 11 minutos

Isso vale pra outras pessoas que me ajudam! Obrigado!
Carlos de Albuquerque
Rio de Janeiro/Curitiba-PR, 28 de Outubro de 2013

Aqui você traduz diretamente para 08 (oito) idiomas básicos

LEIA 20 PÁGINAS DO MEU LIVRO GRÁTIS. NA PÁGINA 21 VOCÊ PODERÁ COMPRAR, SE ASSIM DESEJAR!

Olá pessoal! Finalmente, meu livro, agora profissionalizado, está disponível pra venda e esta é a melhor maneira que você tem pra me ajudar na minha dura trajetória. Se puder, tiver tempo e quiser, pode ajudar a divulgar este livro, que nada mais é, que o retrato da vida real. A vida tem reveses e qualquer um, pode correr o risco de ir parar nas ruas. Rico, pobre, tímidos, extrovertidos, estudiosos, preguiçosos, drogados ou não, apostadores de loterias, jogadores de jogos de azar... Donas de casas, empresários (as)... Qualquer um está sujeito. Ninguém está imune. Artistas, professores de idiomas, bancários, funcionários públicos, vítimas de desastres naturais, como enchentes, deslizamentos de terra... Incêndios, vítimas da bitolação nos estudos, vítimas da igrejas, principalmente, do seguimento evangélico... Enfim. Este livro mostra que qualquer um pode vir a parar nas ruas, e que nem o governo, e muito menos a sociedade, quer saber do seu passado. Pra eles o que importa é o presente. E no momento, o Morador de Rua é o "lixo" da sociedade. Assim agem de acordo. Abraços e obrigado! PARA COMPRAR CLIQUE AQUI

Em São Paulo, recebendo o Prêmio Nacional de Excelência e Qualidade Brasil 2015

Atenção! Abra os olhos e fique esperto (a)! LEIA O ALERTA ABAIXO COM MUITA ATENÇÃO!!!
Cuidado com seu domínio. Empresas estão de olho, e querem ganhar dinheiro as custas da sua história.

Se você tem um domínio próprio, tome cuidado, e não esqueça de renovar anualmente, pois empresas americanas estão monitorando a valorização de marcas e mesmo sem ter nenhuma história vinculada a elas, as registram em seus nomes, quando percebem que a pessoa esqueceu de renovar. Assim, querem faturar alto às custas da sua história. Esta empresa de domínios, americana, é uma delas. É a terceira já. Registrou meu domínio www.carlosdealbuquerque.com e quer me tirar quase 3 (três) mil reais, por enquanto, para eu ter de volta o que é meu por direito histórico. São iguais abutres / urubus, que ficam só esperando os outros trabalharem para conseguirem sua sobrevivência. São incapazes de caminhar com suas próprias pernas.

Perdeu o Globo Repórter em que fui personagem? Assista minha participação no programa, agora...

Suas pesquisas na Web

Pesquisa personalizada

quinta-feira, 14 de julho de 2011

No Facebook do Secretário do SMAS-RJ, Rodrigo Bethlem, o debate esquentou, teve seu ápice, e... esfriou "naturalmente"...

ATENÇÃO: A INTENÇÃO DESTE POST, É APENAS EXPOR A SITUAÇÃO EM SI, E OS EXTREMOS QUE CHEGOU. MANTIVE A IDENTIDADE DOS (AS) PARTICIPANTES EM SIGILO, PARA PRESERVÁ-LOS. NÃO INTERESSA AQUI, IDENTIFICAR NINGUÉM. APESAR DISSO, COMO SE COLOCARAM PUBLICAMENTE, NÃO PODEM RECLAMAR POSTERIORMENTE, NEM MESMO JUDICIALMENTE. DIÁLOGOS EXTRAÍDOS DO FACEBOOK. 

Caso queira divulgar a venda do meu livro "O Choque de Ordem... Equivocado". Em e-book por R$ 18,09 CLIQUE AQUI!

Perfil de Rodrigo · Mural de Rodrigo

Rodrigo Bethlem

Abordagem da SMAS encontra morador de rua com cocaína e crack no Parque União
sexta-feira, 8 de julho de 2011


Na manhã desta sexta-feira, 08.07, agentes da SMAS cumpriam a rotina de acolhimento de moradores de rua, na região do Parque União, quando encontraram cocaína e crack com um homem, de 24 anos. A droga estava escondida dentro de uma caixa de engraxate. Foram 19 sacolés de cocaína e duas pedras de crack. Policiais do 22° BPM, que acompanhavam o trabalho dos agentes da SMAS, imediatamente, encaminharam o homem para a 21ª DP.
A secretaria segue com suas operações diárias para o acolhimento de população de rua em diferentes regiões da cidade para encaminhá-los à Rede de Proteção Social da Prefeitura do Rio. Só em 2011, nossas equipes de educadores sociais já acolheram mais de oito mil pessoas. Só nas operações de combate ao crack, em parceria com as polícias Militar e Civil, já foram retiradas das ruas 1111 mil pessoas.

Qualquer cidadão pode auxiliar o trabalho da SMAS com informações sobre população de rua, através da nossa Ouvidoria, pelo telefone 3973-3800, de 2ª a 6ª feira, das 9h30 às 17 horas.

Postado por Rodrigo Bethlem às 08:51 Marcadores: assistência, bethlem, deputado, federal, prefeitura, rio, rodrigo, secretário, smas, social, www.bethlem.com.br, www.rodrigobethlem.com.br

Enviar por e-mail
BlogThis!
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no orkut
Compartilhar no Google Buzz

08 de julho às 14:08 ·CurtirCurtir (desfazer) · · Compartilhar.
Rodrigo Bethlem e outras 36 pessoas curtiram isso..

Joao ******** *******: Acompanho esse excelente trabalho....Principalmente​ com a equipe do DELAMARE muito boa...
08 de julho às 14:20 · CurtirCurtir (desfazer) · 5 pessoas

Ângela ****** ***: Aguardo pela presença desses agentes aqui no Beco das Garrafas.
08 de julho às 14:21 · CurtirCurtir (desfazer) · 5 pessoas

Ângela ****** ***: Fzi a solicitação e mandei mensagem para o Sr. Rodrigo Bethem, ansiosamente aguardo suas providências.
08 de julho às 14:23 · CurtirCurtir (desfazer) · 5 pessoas

Victor ****** *******: à frente da gestão Bethlem, a SMAS não para. a cada dia temos, sempre, uma boa notícia. valeu Rodrigo!
08 de julho às 15:38 · CurtirCurtir (desfazer) · 6 pessoas

Mary ** *********: Victor,é pura verdade não pára, o Rodrigo Bethlem nao pára!!! A desistência não trilha o mesmo caminho que ele....
08 de julho às 17:54 · CurtirCurtir (desfazer) · 6 pessoas

Rodrigo Bethlem: O trabalho não vai parar e a cada dia, vamos intensificar nossas ações. Não deixem de participar: Qualquer cidadão pode auxiliar o trabalho da SMAS com informações sobre população de rua, através da nossa Ouvidoria, pelo telefone 3973-3800, de 2ª a 6ª feira, das 9h30 às 17 horas.
08 de julho às 18:56 · Curtir (desfazer)Curtir · 7 pessoasCarregando....

Regina *****: Vamos colaborar !!!!!
08 de julho às 19:14 · CurtirCurtir (desfazer) · 5 pessoas

Regina *****: PARABÉNS PELO TRABALHO, SECRETÁRIO !!!!!!!
08 de julho às 19:16 · CurtirCurtir (desfazer) · 4 pessoas

Mary ** ********: PARABÉNS SECRETÁRIO!!!! O SR. NÃO SABE DA MAIOR!!! UMA AMIGA DE FORTALEZA ME LIGOU ONTEM QUERENDO SABER QUEM É ESSE RODRIGO BETHLEM QUE ESTÁ FAZENDO ESSE TRABALHO TAO LINDO? ELA ME FALOU QUE EM FORTALEZA ESTÁ UM TERROR!!!!! ACHO QUE VÃO LIGAR PARA O SR.... TA NA BOCA DO POVO, TA NA MIDIA, VIROU SUCESSO!!! AGORA É SÓ OS OUTROS ESTADOS COPIAREM!!!
08 de julho às 19:27 · CurtirCurtir (desfazer) · 5 pessoas

Parque ***** ********Sonhos: Parabens: Força, pois tem muito trabalho ainda!
08 de julho às 20:04 · CurtirCurtir (desfazer) · 5 pessoas

Joao ***** ******: PARABENS SECRETARIO AGORA SIM ESSA SECRETARIA ESTA TRABALHANDO
08 de julho às 20:47 · CurtirCurtir (desfazer) · 5 pessoas

Sandra *******: Gente!!! o Secretário não desiste nunca, ele vai a luta mesmo e arregaça as mangas, muito me orgulho, estaremos juntos sempre!
08 de julho às 23:02 · CurtirCurtir (desfazer) · 4 pessoas

Carlos de Albuquerque: Pô Bethem, na moral, esse cara com cocaína e crack, e principalmente, com caixa de engraxate... Sabe qual é a deles, não é bobo e nem ingênuo, nem nasceu ontem Secretário! Mereceu o destaque de um post aqui no Face e no seu blog... Daqui a ...pouco vc vai tentar induzir forma de nos internar compulsoriamente, assim, como tem feito com usuários de crack. São universos de problemas sociais completamente distintos. Estes são dependentes químicos, e precisam se tratar. Eu tô tentando sempre levar na boa. Apesar de todas as suas ações através dos seus super agentes, jamais desrespeitei ou desacatei, o trabalho de vcs. Mas paciência tem limite. Usou esse caso isolado do cara flagrado com drogas com o intuito de sensibilizar seu fã clube a aceitar e até estimular nosso internamento à base de choque??? Assim como tenho força de comunicação regional, estadual e nacional, nada é díficil pra mim, torná-lo internacional. Até porque tenho conexões lá fora também, que já estou compartilhando publicamente o que escrevo. Conheço a linguagem jurídica e posso começar a tentar sensibilizar pessoas não para ações judiciais, nem induzir os tais "direitos humanos" a ações, já que não posso considerá-los direitos, de fato, humanos. Pois não são imparciais. Não me interessam. Mas órgãos podem se interarem com meu ponto de vista, como a ONU, o COI - Comité Olímpico Internacional, a FIFA, etc... Ninguém quer fica mal na fita. Não vou falar mais. Como diz o ditado popular: "para o bom entendedor, meia palavra basta".
08 de julho às 23:11 · CurtirCurtir (desfazer).

Sandra *******: O importante Secretário, é que o povo está vendo o trabalhado realizado e com ótimos resultados, se todos fizessem pelo menos um pouquinho do que o Sr faz... mas... infelizmente ninguém tem a coragem e garra que Rodrigo Bethlem tem, continue sua jornada, ela é longa, mas com certeza de muito sucesso!
08 de julho às 23:39 · CurtirCurtir (desfazer) · 4 pessoas

Carlos de Albuquerque: Já vi que o seu fã clube é forte. Mas vamos lá! Eles provavelmente não tem ninguém da família que esteja nas ruas não não seja, ladrão, usuário de droga, estelionatário, prostituta e etc... Pq, morador de rua, são todos enquadrados assim.
08 de julho às 23:45 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Oi Sandra Galatoli. Como se sente quando entra num supermercado por exemplo, e os seguranças colocam o olho em vc, segue todos os seus passos e vigia vc como suspeita de tentar usurpar alguma coisa do estabelecimento? Que tal, se encosta pe...rto de uma pessoa na faixa de pedestre, essa pessoa olha pra vc, que é honesta, e logo esconde a bolsa? Como se sente quando a polícia lhe aborda e faz abrir sua bolsa, mostrar documentos, assim com, como suspeita? Que tal se sua filha (o), ou qualquer parente que ama fosse injustamente acusado de roubo? Que tal? Se alguém dissesse que falou algo de alguém sem que tenha feito, e se acha injustiçada? Enfim. Como se sentiria, se por uma forte desastre de vida, viesse parar nas ruas e por fim, fosse tratada como lixo, espancata, se não ficasse pianinha e vc levada para um local completamente incompatível com a sua casa. Se saísse do seu palácio e visse pra trincheira, e o SMAS ia lhe recolher e lhe jgar lá, e não ia interessar quem era ou deixou de ser. Não interessa! Fique com essa aí para uma reflexão. O Bethlem sabe do que tô falando.
08 de julho às 23:58 · CurtirCurtir (desfazer).

Sandra *******: Seus comentários infames não vão intimidar ninguém que conhece o trabalho sério do Secretário Rodrigo Bethlem, já conheço sua turma, saiba que ele é competente demais e quer saber? vc não merece nem resposta, é digno(a) de pena, mostra tua cara! que DEUS te liberte de...!!!!
09 de julho às 00:17 · CurtirCurtir (desfazer) · 4 pessoas

Mary ** ********: KKKKKKKK QUE QUER É ISSO, SANDRINHA? NÃO RESPONDA NADA A ESSA GEN-TA- LHA!!!! VC É UMA PESSOA EXTREMAMENTE ÍNTEGRA, ÉTICA,EDUCADA, LINDA, SINCERA, HONESTA,FIEL EM TUDO, PRINCIPALMENTE A DEUS, AO SECRETÁRIO A SUA FAMILIA E ATÉ AO SEU TRABAL...HO!!! SEJA SEMPRE ESSA PESSOA QUE VC É: SINCERA!!!NÃO SEJA COMO DETERNADA PESSOA QUE CONSEGUE LUDIBRIAR AOS IRRACIONAIS COM DISSIMULAÇOES FALSAS E MENTIROSAS MOSTRANDO"GRANDEZA" IMPRESSIONANTE AS PESSOAS NÃO TEM DISCERNIMENTO.KKKKK!!!!!! TE AMO MINHA AMIGA P.S. OBS: QUEM TE CONHECE, SABE QUEM VC É!!!! ISSO ESTÁ PARTINDO DE ALGUEM QÚE TE CONHECE... JAMAIS ALGUEM QUE NÃO TE CONHECE, TE ATACARIA DE FORMA TAO BAIXA TENTANDO DENEGRIR A SUA IMAGEM....
09 de julho às 00:43 · CurtirCurtir (desfazer) · 4 pessoas

Sandra *******: Obrigada, Mary, essas pessoas são dignas de pena, jamais me intimidarão, são incompetentes!!!!!!!
09 de julho às 00:47 · CurtirCurtir (desfazer) · 3 pessoas

Chicão *******: Em frente, e que Deus o abençoe e a sua equipe, Secretário.
09 de julho às 00:54 · CurtirCurtir (desfazer) · 4 pessoas

Mary ** ********: OLÁ CHICÃO, ESTAMOS JUNTOS!!!!
09 de julho às 01:00 · CurtirCurtir (desfazer) · 4 pessoas

Eliane *****: Eu sabia que esse trabalho magnifico incomodaria a muitos, siga em frente Rodrigo Bethlem, ninguem tem a competencia que voce tem, deixe os restos de lado, Sandrinha, continue firme, pessoas invejosas não merecem respostas, sorte e muito sucesso nesse trabalho perfeito, a população está vendo, a imprensa está sempre presente e nós estamos juntos!!!!
09 de julho às 01:07 · CurtirCurtir (desfazer) · 5 pessoas

Eliane *****: Da-lhe Mary, é isso ai, estamos juntos na defesa desse trabalho que ninguem teve coragem de realizar, realmente rodrigo Bethlem merece todas as honras de um político sério e competente
09 de julho às 01:15 · CurtirCurtir (desfazer) · 4 pessoas

Mary ** ********: SECRETÁRIO, O SEU Fã ClUBE JÁ PERCEBEU QUE TEM GENTE QUERENDO INTIMIDÁ-LO MAS NÃO VAI CONSEGUIR PORQUE O SR. É UMA ESTRELA E TEM QUE BRILHAR!!! SENDO ASSIM,NINGUÉM PODE IMPEDIR!!!!
09 de julho às 01:20 · CurtirCurtir (desfazer) · 5 pessoas

Chicão********: Olá, Mary, bom dia. É isso, aí... Juntos sempre!! Paz e luz, ótimo final de semana.
09 de julho às 01:37 · CurtirCurtir (desfazer) · 3 pessoas

Chicão ********: Bom dia e ótimo final de semana, na paz e na luz, para você também, Eliane!!
09 de julho às 01:38 · CurtirCurtir (desfazer) · 1 pessoa

Carlos de Albuquerque: desculpem pessoal. Desculpem! Estão certos.
09 de julho às 01:39 · CurtirCurtir (desfazer).

Chicão *******: Paz, luz, proteção, saúde... e mais bençãos nessa caminhada, cara Sandra. Um ótimo final de semana. Que Deus abençoe a todos!!
09 de julho às 01:40 · CurtirCurtir (desfazer) · 4 pessoas
Eliane *****, Sandra ****** e outras 2 pessoas curtiram isso..

Mary ** ********: SANDRINHA BEM QUE VC FALOU QUE SABE QUEM É !!!! É ELA MESM!!!! BEM QUE EU FALEI: SO PODE SER ALGUEM QUE TE CONHECE. ESSE CARLOS DE ALBUQUERQUE NAO EXISTE. VIU COMO DEUS MOSTRA O PROFUNDO E O ESCONDIDO PARA NÓS? DEUS ME REVELA TUDO!!! T...EM QUE FAZER A MESMA COISA QUE EU FIZ. VAI NA DELEGACIA FAZ O BO CONTA TUDO AO DELEGADO MEU AMIGO QUE ELE RASTREA E MONITORA OS PASSOS DO TAL CARLOS E DEPOIS VC DENUNCIA NO PROPRIO FACE E AÍ VC FICA SABENDO DE ONDE PARTIU. TOMARA QUE O RODRIGO BETHLEM VEJA O QUE ELE ESCREVEU E TOME AQUELA MESMA PROVIDENCIA QUE.... VC SABE... DO QUE EU ESTOU FALANDO. VOU FALAR PAR MEU IRMÃO DE BRASILIA QUE É CRAK NISSO..... NAO HA NADA EM OCULTO Q NAO SEJA REVELADO E QDO Q POLICIA QUER, DESCOBRE TUDO!!!! DXA COMIGO, VOU TE AJUDAR....SEGUNDA EU VOU LÁ NA SECRETARIA LEVAR OS .... DA .... E DA .... DO .... E APROVEITO E DOU UM PULINHO NO GABNET ... BJOSSSS!!!!! VOU DORMIR!!!!
09 de julho às 02:24 · CurtirCurtir (desfazer) · 5 pessoas

Segad** ******: Como eu já disse anteriormente. Alguém acha que é fácil realizar um trabalho como esse que a SMAS está realizando de forma brilhante?
09 de julho às 03:48 · CurtirCurtir (desfazer) · 3 pessoas
Mary ** *******, Sandra ****** e Sonia ******* curtiram isso..

Sonia *******: É um trabalho lento e muito difícil, mas com um líder corajoso e interessado em resolver o problema, tenho certeza que muitas vitórias virão pela frente, continue seu trabalho Secretário, sem se importar com críticas que não sejam construtivas, a população está vendo resultado no trabalho da SMAS, parabéns!
09 de julho às 09:29 · CurtirCurtir (desfazer) · 4 pessoas

Mary ** *********: sandrinha vai na delegacia procura o delegado meu amigo , faz o BO que ele faz a mesma coisa que fez comigo. rastrea e monitora os passos e acaba sabendo de onde está partindo esses ataques inconvenientes!!! É uma pessoa ARDILOSA e ... q...uando acontecem essas coisas já sabemos que partem de pessoas que nos conhecem. REPITO:Quem nao conhece, nao conhece... então, nao tem razao pra perder tempo articulando tais coisa de baixo níveo, que com certeza é tudo gen-ta-lha!!!Faça como eu, curta só aquilo que lhe acrescenta intruçoes sábias , o resto é resto e resto se joga no lixo!!! faça como eu, tudo que náo presta, delete da sua vida. Faça como eu fiz com ... acabou, morreu para sempre porque nao suporto falsidades!!!! Tem mais, trair e fazer jogo sujo e duplo contra RODRIGO BETHLEM,é como se fizesse comigo. sou BETHLEM 100% assumida,rotulada, carimbada,em suma: INCORRUPTÍVEL!!!!!!!
09 de julho às 10:23 · CurtirCurtir (desfazer) · 4 pessoas

Sandra ********:  Mary, essa pessoa é INSIGNIFICANTE para todos que conhecem e acreditam nesse trabalho
09 de julho às 10:43 · CurtirCurtir (desfazer) · 3 pessoas

Carlos de Albuquerque: Alguém disse isso de mim: 1) Esse canalha é um fack, denuncie! Aí eu respondi assim: 2) Vc vai ter que provar que sou Fake, Simone!!!!! Isso é uma acusação sem fundamento. Só porque falo o que penso? Qual o problema. Vou guardar tudo, e ter...á que provar que sou Fake, tá bom? Depois assim: 3) Ainda bem, que se vc acionar a justiça, terá que mostrar tudo que publiquei, que foi o que causou sua acusação de que sou um Fake. Vou até mais longe. Denuncie-me à Polícia Federal por favor. Porque terá que provar que sou fake e que apenas... colocava minha opiniões. Não ofendi ninguém, não xinguei ninguém. Apenas expus meu ponto de vista, do qual tenho direito num país democrático. Faça-me um favor. Acione a Justiça Federal. Denúncie-me. Aí apuramos os fatos. Continuei: 4) Sou um canalha pra vc Simone ** ******* porque não falo exatamente o que vc quer ouvir... Louco isso, não!? E... Concluí assim: 5) Fico a aguardar alguma notificação do Facebook e/ou da Polícia Federal para que sejam apurados os fatos. Estou à disposição. Eu poderia lhe denunciar por crime de, se não me engano, difamação, só por esta frase que vc colocou sobre minha pe...ssoa, mas não o farei. Se vc, e quem quer que seja está ofendido com o que escrevo, denuncie ao Ministério Público Federal ou a qualquer orgão realcionados a crimes virtuais. Até vou facilitar isso: 6) DRCI - Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática
Endereço: Rua da Relação, 42, 8º andar, Centro - Rio de Janeiro (RJ)
Fone: (21) 3399 - 3201/ 3399 - 3202
09 de julho às 11:29 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Que é isso Rodrigo Bethlem já vi que o pessoal é bem sensível, emocional, e o defende com unhas e dentes! Como sou um camarada precavido, vou logo fazer o seguinte; já que os ânimos estão acirrados aqui, devo me prevenir, pq a coisa mais s...imples pra vc é me pegar, e até mandar desaparecer comigo rapidamente, apesar de não acreditar que usaria tais métodos de queima de arquivo. Até porque, seus agentes sabem onde me encontrar. Sempre me bato com eles ali pela Lapa, na Cinelândia... Muitos deles me conhecem. Até presenteei meu livro pra uma das equipes. Não sou contra seu trabalho, apenas acho que poderia adequá-lo melhor, fazendo reajustes, assim como já vem fazendo aos poucos. O pessoal acima, tá achando que é intriga política e até já acham que eu não existo. Há mais de um ano que venho tratando desse assunto, e inclusive, pelo Twitter, já até me respondeu por 3 vezes. Então sabe que não sou propriamente um inimigo, pois se o fosse, só atacaria, sem opinar ou dar sugestões. Mas sabe que não é o caso. O pessoal acima é bem emocional, militante. Aliás termo propriamente da esquerda, que a direita tem se apropriado sem o menor talento. Foi como, quando o FHC disse do PSDB “de que devia se aproximar mais da Classe Média e deixar o povão um pouco”. O Ex-pres. Lula, disse que FHC pregava a falta de importância do Povão na sociedade brasileira, porém, era o povão quem estava estimulando o crescimento do país. Mas na verdade, o que o FHC quis dizer, foi que a direita deveria seguir seu curso natural que era a prioridade ao papel da direita, pois o povo era uma habilidade da esquerda, e não da direita brasileira. A palavra MILITANTE, é ferramenta eficaz na mão da esquerda, mas desastrosa nas mãos da direita. Pra citar apenas um exemplo, posso citar a situação do DEM, ex-PFL. Na época da mudança, ACM ainda estava vivo, e me lembro de que um dos argumentos do PFL em virar DEM (Democratas), era exatamente a aproximação da sigla ao povão. O que aconteceu? Um fiasco! O Ex-PFL virou DEM, não conseguiu se aproximar do povo, é pior, pra mim, é como um defunto que ainda não se deu conta de que morreu. A todo momento, nomes importantes abandonam a sigla. Quantos já abandonaram o barco? Muitos. O Kassab em São Paulo deixou o DEM e fundou novo partido, pois era a única forma de sair sem ser acusado por "infidelidade partidária". Assim, foi mais um dos muitos nomes importantes a deixar o partido, que definha. Talvez se tomassem o conselho que o FHC deu ao PSDB e tomassem de volta suas bandeiras da direita, quem sabe poderiam até, começar a se recuperar... Enfim Bethlem, se eu quisesse que seu trabalho desse errado, só gritaria acusações, talvez até sem fundamento, mas ao contrário do seu emocional pessoal acima, lhe digo algo. Será que eles lhe dizem tanto assim, ou apenas fazem elogios que talvez, não mexam em nada na sua mente? Não faz com que vá pra casa e pense... Pô! "Aquela pessoa é injusta comigo"; ou "sabe que ela talvez tenha até razão". Se vc Bethlem começar a analisar tudo que tenho expressado por seus vários canais de comunicação, talvez encontre muitas boas sugestões. Outras até dispensáveis, pois não sou unânime. Pra finalizar, ao invés de seus "militantes", "idólatras", "fãs" e etc., como eles (as) mesmos (as) se definem, podiam começar a colocar a mente e seus neurônios para trabalhar e tentar, também, dentro de suas limitações, sugerir-lhe algo. Ao invés de ficarem gritando e esperneando apaixonados (as), como o que é próprio da paixão, do amor... A cegueira.
09 de julho às 12:11 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: SE ACHAM QUE SOU FAKE, OU OUTRA PESSOA, PODEM VISITAR MEUS OUTROS CANAIS DE COMUNICAÇÃO. AINDA VENHO LÁ DA CAPITAL FEDERAL. NÃO SOU CARIOCA, NEM BAIANO. SOU BRASILIENSE, PESSOAL!!! ABRAÇOS! ;)
Carlos de Albuquerque

http://www.carlosdealbuquerque.net/ (fora do ar por falta de $$)
http://www.carlosdealbuquerque.com/  (perdi este para um site americano)
Leia os meus textos no Recanto das Letras
Caso queira divulgar a venda do meu livro "O Choque de Ordem... Equivocado." em e-book por R$ 18,09 CLIQUE AQUI!
www.youtube.com/caloscall Meu canal de vídeos
09 de julho às 12:20 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Acho que até já entendo mais ou menos pq que o Bethlem me aceitou aqui no seu Facebook... ahuauauahuahuahuahuahuhuhu​ahauhau
09 de julho às 12:21 · CurtirCurtir (desfazer).

Tania M*** ****** ******: OBRIGADO EM NOME DOS CARIOCAS.
09 de julho às 16:41 · CurtirCurtir (desfazer) · 2 pessoas

Mary ** ********: OBRIGADA EM NOME DOS BAHIANOS(AS)
09 de julho às 17:01 · CurtirCurtir (desfazer) · 1 pessoa

Carlos de Albuquerque: Jamais desmereço os cariocas, donos das terras onde vivo atualmente e os baianos, pessoas habitantes, de onde iniciei a minha produção literária. O Rio é a Hollywood brasileira. Sou mais um apaixonado por esta terra. Parabéns Cariocas e Baianos!
09 de julho às 18:17 · CurtirCurtir (desfazer).

Victor ****** ********: Carlos de Albuquerque, não aja assim, aqui somos todos amigos e entendemos o seu depoimento smi. mas o que queremos na verdade é agrupar o máximo de pessoas que acreditam, entendam e apóiem o trabalho de um político e administrador público ...que não vai parar. Faça parte de verdade do nosso ciclo de amigos e não fã clube. Críticas, construtivas, são sempre muito bem vindas, aposto que o Rodrigo leu o que vc escreveu e não ficou chateado, só acho que você exagerou no tom. Vamos, juntos, trocar idéias e informações pertinentes, você certamente também é muito importante nesta luta do Rodrigo. Um abraço e continue conosco.
10 de julho às 12:30 · CurtirCurtir (desfazer) · 3 pessoas

Priscila ******: Carlos Albuquerque, vc tem todo direito de vir aqui se expressar, mas nao pode acusar isso aki de fã clube, somos pessoas q acompanham o trabalho do Rodrigo Bethlem a mtos anos, vc vai ser respeitado aqui, mas respeite tbm, sem acusações, um abraço.
10 de julho às 13:54 · CurtirCurtir (desfazer) · 4 pessoas

Mary ** ********: COM CERTAZA, PRISCILA. O CARLOS DEVE ENTENDER QUE QUANDO GOSTAMOS DE ALGO , DEFENDEMOS EM QUALQUER CIRCUNSTÂNCIA E NÓS ESTAMOS MUITO FELIZES E OTIMISTA COM A EXCELENTE ATUAÇÃO DO NOSSO ATUAL SECRETÃRIO RODRIGO BETHLEM. REALMENTE NAO SE T...RATA DE FÃ CLUBE E SIM DE PESSOAS ADULTAS QUE SABEM VALORIZAR UM TRABALHO TAO DIFÍCIL DE FAZER!!! E RODRIGO BETHLEM ESTÁ FAZENDO O QUE AS OUTRAS GESTOES NAO FIZERAM ... O RODRIGO SE FAZ ATÉ PRESENTE EM DETERMINADAS ATUAÇOES !!!! EU JÁ VI ISSO NO BAIRRO DA GLÓRIA! NO MEU ENTENDIMENTO, É HORA DE APOIÁ-LO AO INVÉS DE DESAFIÁ-LO!!! ELE É DIGNO DE MUITO RESPEITO E HONRA PELO ESFORÇO, E GARRA QUE TEM DE V UM RIO MELHOR!!!! É TRISTE V AS CRIANÇAS E ADOLESCENTES DOPADOS E JOGADOS NAS RUAS!!!! VAMOS UNIR AS NOSSAS FORÇAS E TORCER PARA QUE MELHORE CADA VZ MAIS.... QUERIDO SECRETÁRIO, CONTE COMIGO, AMO O SEU TRABALHO. QUE DEUS LHE PROTEJA!!! ABÇSSS!!!!
10 de julho às 16:12 · CurtirCurtir (desfazer) · 3 pessoas

Eliane *****: Vamos seguir em frente, acompanhamos esse trabalho e estamos vendo resultados, Secretário, acreditamso e confiamos nessa batalha que é difícil, mas que já obteve muitas conquistas, estamos juntos!
10 de julho às 17:12 · CurtirCurtir (desfazer) · 4 pessoas

Mary ** ********: ELIANA, VAMOS SEGUIR COM FÉ EM DEUS, E TER A CERTAZA DE QUE NÓS VEREMOS TODOS OS PROJETOS DO SECRETÁRIO RODRIGO BETHLEM SEREM CONCRETIZADOS!!!! SABE POR QUE? ELE ESTÁ PLANTANDO BOAS SEMENTES E EU SOU CONVICTA DE QUE COLHEREMOS BONS FRUTOS!!!!UM ABRAÇO.
10 de julho às 19:46 · CurtirCurtir (desfazer) · 3 pessoas

Leila ** ****: Carlos,somos um grupo de pessoas que a muito tempo acompanha o trabalho de Rodrigo Bethlem,não fazemos parte de um fã clube ,pois Rodrigo Bethlem não é artista,mas um politico sério que mesmo contra muitos está fazendo um belo trabalho junt...o a população em situação de rua,aos dependentes quimicos,trazendo um pouco de dignidade,a muito apagada de suas vidas,tanto que vários estados querem copiar o modelo de gestão da SMAS de RODRIGO BETHLEM,um politico sério que está fazendo a diferença em nosso estado,tenho muito orgulho em estar vivenciando esse momento,tenho certeza que se vc conhecer um pouco mais do trabalho que está sendo feito por RODRIGO BETHLEM,certamente terá orgulho de fazer parte de nosso grupo.Talvez por vc ser de Brasilia não tenha entendido o que está sendo feito,um abraço
10 de julho às 20:53 · CurtirCurtir (desfazer) · 1 pessoa

Carlos de Albuquerque: Leila ** ****, sou de Brasília, mas não é lá que vivo, mas sim, aqui. Sei do que estou dizendo por estar o tempo todo vivenciando e em contato o com o pessoal de rua, que jamais se sentiria seguro em se abrir pra vcs, "assistentes sociais".... O Bethlem é economista, então pensa no frio balancete ao lidar com pessoas e histórias diferentes. Para o Bethlem, os números são mais importantes que as pessoas. A não ser as dos seu grupo. claro. Mas o que precisa ser entendido, é que se lida com gente. Acho até que os ditos "assistentes sociais", deviam voltar pra faculdade, para estudarem a fundo a matéria "relações humanas", pois se lida com pessoas e não números. Falar que o trabalho é lindo, além de ser muito clichê, também não afaga o ego, nem mesmo do próprio Bethlem. Pior, não sugerem muito. Vc não é de rua, acredito. Já conversou com alguém de rua, numa boa, sem reparar, se ele está sujo, imundo, se está catanto latinha, papelão... Se está empurrando um carrinho de reciclagem?!? Provavelmente não. Então não tem a mínima condição de dizer que posso não entender do que estou falando. Essas coisas. Inclusive até indico o primeiro livro "Como Fazer Amigos e Influenciar Pessoas" em PDF neste link http://www.tororomba.com.br/amigos.pdf, que um micro-empresário (o Clóvis, que inclusive colocou o nome de sua filha de Dayliane, por causa do autor Dale Carnigie), de Brasília, no qual, à época eu comprava folheados e prata pra vender, e virou meu amigo, me presenteou. Esse livro é um bom início para que vcs aprendam lidar com pessoas. Enfim... Quanto a proposta de fazer parte do grupo de vcs, isso eu não posso aceitar. Até porque não faço parte de nenhum grupo, seja de esquerda, de direita, de centro... Não importa. Trilho um caminho mais solitário. Não sou vinculado a nada, nem a ninguém porque preciso ser imparcial. E isso, eu só consigo de forma desvinculada. A questão fã Clube, é que a paixão com que defendem o Bethlem é tão emocional que digno de fã clube mesmo. Ou pior, parecem seguir um líder de uma ceita. Tanto, que fazem comentários, que me dá a entender que nem estão entendendo direito o que estou passando na mensagem. Enfim... É isso aí. Precisam estuda o autor acima para que possam entender pessoas. Ou o Bethlem, assim como vcs, continuarão apenas calculando e comemorando as alturas do balancete do economista e cada vez mais, ficarão distantes de que lidam com gente. Independentes de quem são as pessoas são sim. Gente.
segunda às 15:48 · CurtirCurtir (desfazer) · 1 pessoa Priscila ***** curtiu isto..

Carlos de Albuquerque: A Mary ** ******** é uma correligionária muito apaixonada... Mas... Talvez, não acrescente muito. :(
segunda às 15:52 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: É Carlos, vc está falando que não entendemos o que vc quer dizer, mas vc não entende o que nós estamos dizendo, acompanhamos o trabalho dele a muitos anos, e acreditamos no trabalho dele, e que essas pessoas precisam ser tratadas, os morado...res de rua não podem viver como estão, vc tem o direito de vir aki e falar, como jah disse anteriormente, mas vc tá vindo aqui para afirmar uma coisa que vc tb nao sabe, não tem certeza, eu não sigo Rodrigo Betthlem como um líder, pra mim ele é uma pessoa como qualquer outra, que está como secretário fazendo essas ações pela qual eu apoio, mas vc sempre será bem vindo aqui, isso daqui é para que cada um se expresse como quiser, é para cada um dizer o que pensa, sendo contra ou a favor, mas novamente repito, sem julgar os atos das pessoas aqui...
segunda às 15:55 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Ok! Páro por aqui. Por mim o assunto tá encerrado. Abraços a todos. Deixa pra tá, Priscila..
segunda às 15:57 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila ******: vamos respeitar as opniões
segunda às 15:58 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Cê entendeu o que eu tô querendo dizer? A mensagem?
segunda às 15:59 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Vc já conversou com alguma pessoa de rua? Já chegou perto alguma vez? Se quiser posso lhe apresentar algumas delas, e verá que não a nada daquilo que a sociedade ver.
segunda às 16:00 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Quer Priscila?
segunda às 16:01 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: hummmm Tá vendo!?!
segunda às 16:03 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: olha, na verdade eu me confundo um pouco na sua forma de pensar, mas respeito, sua opinião é importante, da mesma forma que eu respeito vc poderia respeitar também isso daqui perdeu o respeito, está uma troca de acusações, não vejo o porque... disso... quanto a moradores de rua, já conversei sim, inclusive tive dois amigos quando era criança, moravam no grajaú, ficavam numa praça, Fabrício era seu nome, ficamos amigos, conversavamos, mas infelizmente ele faleceu aos 14 anos, de overdose, está ai o motivo pelo qual eu apoio o tratamento compulsório para menores, eles precisam tentar viver dignamente vc nao acha? quanto aos adultos não podemos fazer nada...
segunda às 16:04 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: hummm... Então já teve um amigo viciado, né?!? Ok! Mas na rua não tem apenas viciados. Sou de rua e não nenhum vício. Acha que sou o único? Se não não tivesse nada nas pessoas de rua, não ficaria perdendo tempo escrevendo todas essas coisas. Dá pra entender isso?
segunda às 16:07 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Vc acha que estou fazendo acusações? Favor. Cite alguns exemplos em meus textos, em que pode comprovar acusações...
segunda às 16:09 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: entendo, mas o meu apoio aqui é pelo tratamento dos que são viciados, vc graças a Deus não é, mas tem certas coisas q eu tbm não axo justo, vou te dar um exemplo bastante recente, estava saindo pra ir a casa de um amigo meu, na minha rua, e... um menor super transtornado, me fechou e me levou 15 reais, não axo justo qe eu perca dinheiro para bancar o vicio dele, vc acha justo? essas pessoas precisam de tratamento, e eu apoio essa ação e desejo que essas crianças se recuperem para que todas possam chegar a idade adulta, pq muitas delas nem conseguem chegar, morrem antes devido ao vicio.
segunda às 16:11 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: acusações que eu falo, é tanto que vc fala que fulana eh isso, e que outra pessoa é aquilo e não falo só de vc, vc foi acusado também, e defendo sua parte também, já disse que pelo menos pra mim, opinioes sao sempre bem vindas.
segunda às 16:13 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Vc leu todos os meus comentários aqui? Acho que o primeiro deles fala sobre essa questão, e não falei contra. Observe melhor.
segunda às 16:13 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: Me confundi um pouco sobre o q realmente vc pensa, mas respeito seja qual for sua opinião.
segunda às 16:14 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Emocional, e falam com paixão. Isso não é acusação. Mas constatação. Acusação, seria, por exemplo, dizer que estava sendo intrasigente...
segunda às 16:15 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Não é pra respeitar minha opinião. É pra refletir sobre o qe estou tentando passar.
segunda às 16:16 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: ok, vc tem sua opinião sobre as pessoas aki, mas vc ficar colocando aqui , pode causar um certo mal estar, eh a mesma coisa que ficassem falando que vc era isso ou aquilo, ngm deve julgar ngm de nada aqui, somos apenas amigos aqui, cada um com sua opinião
segunda às 16:17 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Por exemplo. Sabe como acesso a net. Deixo de comer, cato das lixeira da Rio Branco o alguma sobra e os trocados coloco na Lan House.
segunda às 16:17 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: E quer que coloque aonde? Já que esão respondendo publicamente?
segunda às 16:18 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: vamos dar opnioes sem ficar um falando que o outro eh isso ou aquilo, seria mais legal neh, rsrs
segunda às 16:19 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Nesse momento minha barriga tá roncando. Acha que estaria gastando da minha barriga por nada?
segunda às 16:19 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Apenas respondi a quem me contesta. Isso tenho direito.
segunda às 16:20 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Tão me tratando como inimigo, mas se o fosse mesmo, estaria usando outras palavras. Estava em outras instâncias.
segunda às 16:22 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: Desculpe, se vc foi ofendido aqui, somos todos amigos, e vc é sim bem vindo.
segunda às 16:26 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Se vc fala algo pra mim, quer resposta, e não posso ficar calado... Nunca fui assim. Nem serei. Agora se alguém aí pensa em me matar. Mandar dar sumisso, e essas coisas... Não posso fazer muito, além de continuar. Se partirem pra esse tipo ...de ação, no futuro saberão que estava na verdade dando ferramenas pra dar certo, não errado. Se acha que se não tivesse escrevendo algo sensato, eu ainda estaria em cima da terra? O Bethlem é governo tem poder, tudo nas mãos. Não seria fácil me eliminar? Cê acha que o Bethlem, se visse que eu era baixo astral, teria me aceirtado no Face e no Orkut? Já não teria me processado e etc... Acho que ele tem entendido, menos seus correliginários. Vc só esta comentando comigo agora porque o próprio Bethlem permitiu. Quando mendei o convite pra ele não esperava que aceirtaria...
segunda às 16:30 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: Eu entendo, queria somente que vc soubesse, que eu gosto do trabalho dele, e comento aqui pq acredito q a vida dessas crianças e adolescentes sejam recuperadas, quanto a vc, eu nao posso pedir desculpas por todos aqui, mas vc é bem vindo, e...u gosto de saber as opniões, ainda mas de uma pessoa que passa pelas situações que vc passa, é importantissimo, eu aqui o vejo como amigo e não como inimigo, espero que todos o vejam da mesma forma e que vc também de sempre sua opniao, contra ou a favor, um abraço
segunda às 16:33 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque Se todo inimigo fosse igual a mim...
segunda às 16:35 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila ******: verdade, as pessoas o interpretaram mal, foi soh isso...
segunda às 16:36 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: O trabalho que vc apoia é a internação compulsória de usuários de crack. Não tem nada a ver, com moradores de rua, que são seres diversos.
segunda às 16:37 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila ******: sim, apoio esse trabalho dele entre outros tb...
segunda às 16:40 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Mas a questão de moradores de rua vc não pode entender muito... Mas enfim...
segunda às 16:41 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: é dificil agente compreender os problemas quando não estamos dentro dele, acho que vc entende bem os problemas que moradores de rua e todas as questões, por isso eu acho importante sua opinião aqui...
segunda às 16:42 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Porra!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Até que enfim, entendeu qual é a minha. Puts! É isso que tento passar o tempo inteiro.
segunda às 16:44 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Porrraaaa!!!!!!!!! É isso Priscila. Estar dentro do problema. Ser um deles. Olhando seu perfil vejo que deve ser de Classe Média pra cima. Não pode compreender mesmo nosso universo. Mas frequento a ABL e tenho amigas bem de vida. Conheço muita gente da alta. Sou camaleônico.
segunda às 16:47 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: eu não tenho grana, sou apenas classe média, mas tenho sensibilidade para saber que a vida de moradores de rua não é facil, nao gosto de julgar, quando não estou dentro do problema por isso é importante dar opnião assim como ouvir.
segunda às 16:51 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Classe mádia sem grana é até estranho, mas tudo bem... Acho que entendi.
segunda às 16:52 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Classe média sem grana é até estranho, mas tudo bem... Acho que entendi. É assalariada ou desempregada. Se foi isso qu entendi. Mas não importa. Isso é o que menos importa, Priscila.
segunda às 16:53 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: bom eu ralo pra ganhar dinheiro entendeu? não nasci com grana eu ralo mto, pego ônibus fico 2 horas no engarrafamento pra ir 2 horas pra voltar, é isso, que eu quero dizer, nao tenho grana de familia, o meu dinheiro é o meu salario.
segunda às 16:54 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Captei...
segunda às 16:54 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Bom. A senhora máquina acaba de me avisar que meu tempo vai expirar em 3 minutos. Té mais. Vamo quais serão os novos comentários por aqui.
segunda às 16:56 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: ok boa tarde pra vc
segunda às 17:00 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque:

A tragédia na região serrana do Rio, diz muito às autoridades em relação aos Moradores de Rua.

Revisão: Walmir Vitoreli Fracari

A tragédia ocorrida na região serrana do Rio de Janeiro nos últimos dias, diz muito às autoridades municipais, estaduais e federais, em relação a nós que estamos em situação de Rua. Mas como? Pergunta-se: “E... O que a tragédia tem a ver com pessoas em situação de Rua na Capital do Rio?”.

Respondendo à pergunta acima.

É bem simples a explicação. A partir do dia em que a torrencial chuva abateu ferozmente a Região Serrana, mais especificamente, Nova Friburgo, Teresópolis, Petrópolis, com certeza teremos um quadro de sequelas terrivelmente forte na população. Muitos, a partir de agora, se converterão em alcoólatras, drogados, e outros ainda, estarão psicologicamente, completamente estraçalhados, quando não, mortos, ou pior, evoluindo para um quadro de esquizofrenia leve ou grave. Por que isso? Porque muitos não suportarão a solidão e o vazio profundo deixado pela perda de uma vida inteira de lutas e ainda suportar a ausência de seus entes queridos, amigos, conhecidos, que foram impiedosamente tragados pela violência das águas de Verão. Não será fácil ter estrutura para aguentar tamanha tragédia. Ver impotente, o clamor de parentes pedindo para não os deixarem morrer. Observar indo água abaixo a sua casa, seu Sítio, seu cantinho ... Ver ainda a perda de animais de estimação... Enfim. Perceber que estão derrotados e em alguns casos, para sempre, pois, muitos dificilmente, principalmente por questões de idade e por terem lutado uma vida inteira, jamais terão forças para reerguerem a vida de antes. Até porque, mesmo que conseguissem levantar suas casas... Jamais recuperarão o mais precioso, os que se foram. Essa será a pior dor a suportar e dificilmente será superada.
Ninguém pode se sentir tão seguro que não possa descer, assim como outros não possam subir. De um dia para o outro, pessoas que eram ricas, e muitas até arrogantes, ficaram pobres. Num dia, tomavam o seu café da manhã perfeito, acordavam em camas macias, entravam em seus carros de luxo em direção ao aeroporto e se vissem um Morador de Rua pelo caminho, queriam mesmo era atropelá-lo. No outro, entravam na fila de doações, comiam um pãozinho murcho com uma rala margarina, e um cafezinho, se não frio, mas quase. No almoço, ter que comer em quentinhas (marmitex), na janta o mesmo... E a partir daí, ter indefinidamente um cardápio que em nada se parece com o de antes da tragédia. Além de ter que dormir coletivamente, amontoados, em Escolas, Igrejas, Galpões, e etc... E pior, talvez até com aquele pobre "nojento" que ele gostaria de ver exterminado e erradicado da rica Região Serrana. Inclusive, podem até ser altos funcionários do Seop - Secretaria Especial da Ordem Pública, um dos órgãos do Choque de Ordem, que recolhe o pessoal de Rua do Rio. Outros ainda podem mesmo ser parentes de autoridades, artistas, celebridades... Enfim, qualquer um. É isso aí. Qualquer um! Mas aí você pergunta: Ok! Mas... O que tem a ver a tragédia com as pessoas em situação de Rua? Fácil. Muitos poderão a partir dessa e de outras tragédias, resolver que não tem mais forças para lutar e simplesmente, abandonarão suas terras em direção a Capital do Rio de Janeiro, e... Começarão a ocupar as praças, calçadas, marquises e... Surpresa!!!!! Serão perseguidas pelo Seop de Alex Costa e pelo SMAS - Secretaria "Assistência Social" do Deputado Federal, Rodrigo Bethlem. Serão recolhidas, por bem ou por mal e conhecerão a aberração inumana e insalubre que é a estrutura dos abrigos da Prefeitura do Rio. Ou seja, seu passado de Executivo, Médico, Professor, Advogado, Empresário e outros não será levado em consideração quando o Choque de Ordem chegar para dar o bote.
PARO POR AQUI. NÃO TENHO MAIS O QUE DIZER. APRENDA CHOQUE DE ORDEM, MUITOS SERRANOS PODEM VIR PARA AS CALÇADAS E PRAÇAS DO RIO, E SERÃO RECOLHIDOS COMO CÃES SEM DONOS. PORQUE A VIDA ENSINA DE UM JEITO OU DE OUTRO. E NÃO SE SURPREENDAM SE ENCONTRAREM O RICO QUE VOCÊS QUERIAM CONVIDAR PARA ALGUMA CONFERÊNCIA, CURSO DE ALTO NÍVEL E PALESTRA OFICIAL DA PREFEITURA E MESMO DO GOVERNO DO ESTADO, NAS RUAS COMO UM MALOQUEIRO DE RUA. POIS É... A VIDA.

Apoio: Saldão dos Eletrônicos
(Assistência de BlackBerry e muito mais...)
(21) 2292-0891 - Alexandre
Agradecimentos: Débora Santos / Shaolin
segunda às 22:34 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Mendigo e Mendicância. Dois rótulos duros de carregar...
Revisão: Magda Pedrita / Walmir Vitoreli Fracari ...

Muitos desafios venho enfrentando na minha nem tão doce vida. Desde que nasci, venho a carregar os ditames de uma existência muito coercitiva, e cheia de altos e baixos. Torto desde o nascimento, até hoje vivo a perambular pelo mundo buscando um reconhecimento como cidadão e artista. Enfrento caminhos
desiguais e muitas vezes incompreensíveis. Tanto chuto como sou chutado, tanto anulo quanto sou anulado. O mais duro de tudo isso, entretanto, são os terríveis rótulos que sou obrigado a suportar e a carregar na bagagem. Sou um Morador de Rua. Marca menos cruel, que os eternos MENDIGO, que me parece, ser sarcasticamente um prazer da sociedade esse tipo de rotulação, como uma punição, para àqueles que encontraram a amargura da derrota, e são incapazes, eles mesmos, sozinhos, e se reerguerem, ao patamar de exigências dos contingentes serrados nas fileiras sociais legais.
Temos aí, nós Moradores de Rua, que amargar a doce – cruel - sarcástica – inimaginável – insuportável – insolúvel – intragável palavra... MENDICÂNCIA. Terrível, dolorosa, desmoralizante, degradante, destrutiva. Essa palavra dói. Dói muito. Mas não podemos nos negar a carregá-la, é nossa punição, por nos negarmos a nos enquadrarmos aos modelos politicamente corretos, da bêbada e que se pensa sóbria, sociedade. Mas digo a vocês, que nos rotulam. Há aqui, na MENDICÂNCIA, e nos MENDIGOS, corações muito mais especiais que Vossas Excelências, são incapazes de ter. Compreensões com o próximo, muito mais palpável que a de VOSSAS SENHORIAS. Aqui deste lado, há leis como a pena de Morte, e que devem ser tremendamente observadas. E são cumpridas, as sentenças, a pauladas, facadas, álcool e fogo e a pedradas de 30 a 50 quilos a esmagar um crânio mendicante. Mas também, repartir o pão com o irmãozinho é uma prática, ou melhor, uma obrigação de todos nós. Aqui, sorrimos com a vitória do outro, sem a hipocrisia que rola aí dentro de vossos contextos sociais. Somos o que somos, muitos almejam uma vida melhor, embora se sintam impotentes na busca dessa conquista. Mas na nossa limitada condição, somos de certa forma, mais "felizes", por não ter que ficar a ouvir sermões o tempo inteiro e por ter a
liberdade de tomar qualquer direção que nos convenha, sem que tenhamos que dar satisfações a quem quer que seja. Coisas, que a maioria, enquadrada nos moldes sociais "normais" não podem, nem em sonhos possuírem.
VIVA AO NOSSO CÓDIGO DE ÉTICA!!! Que são poucos, mas são tremendamente valorizados e cumpridos, nem que seja pro mal, às vezes. VOSSAS EXCELÊNCIAS da sociedade formalizada precisam evoluir horrores para chegar aos nossos pés. Aqui a igualdade é muito mais suprema do que ai. Traga-
nos a sopa, o pão, os trocados, os farrapos, as migalhas, as ironias, as quizombas, que colocaremos tudo dentro de uma grande panela, e nenhum do lado de cá, ficará sem receber a sua parte, porque aqui sim, obedecemos as leis - pra sobrevivermos, claro!!! Repartir o alimento é uma obrigação que muitos de nós cumprimos com prazer.

                                Evoluam pra chegarem aos nossos pés. EVOLUAM!!!!!! Obrigado.

                                                Salvador-BA, 17 de Setembro de 2007
                                                  Este Mendigo Mendicante das Ruas
segunda às 22:53 · CurtirCurtir (desfazer).

Leila ** *****: Carlos,eu conheço de perto o problemas dos moradores em situação de rua,pois trabalho junto a eles,junto aos dependentes quimico,e saiba que é um trabalho ardúo,um trabalho de convencimento,tem uma senhora que depois de 30 anos nas ruas ,tem sua casa,e não são uma,mas várias pessoas,não vivo nas ruas ,mas estou nas ruas todos os dias tentando ajuda-los,pois é assim que a SMAS está fazendo seu trabalho,vc tem direito a falar ,mas não o de desmerecer o trabalho sério que eu e muitas equipes da SMAS estamos fazendo,vc é um cara inteligente,mas quando fala não sabe o que cada pessoa está fazendo para contribuir para que pessoas a muito esquecidas tenham um pouco de dignidade.Tenho certeza que vc tem muito o que contribuir,falar é fácil,quero ver deixar de blá,blá,blá,e botar a mão na massa,contribuir...vc contribui com o quê???? eu estou fazendo meu trabalho,minha parte junto com a SMAS,um abraço.
terça às 08:37 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Tá! Tô desmerecendo o trabalho do SMAS...
terça às 11:35 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Leila ** **** diz: quero ver deixar de blá,blá,blá,e botar a mão na massa,contribuir...vc contribui com o quê ???? Aí digo: Não tô contribuindo com nada. Só falo besteiras e idiotices. Vamos ver, então. Mais cedo ou mais tarde a mídia falará no assunto. Devia, eu, parar de blá, blá, blá... Mas não sou assim não Leila. Um Morador de Rua dialogando com vcs, irrita, né? Tudo bem.
terça às 11:40 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Que se dane a minha inteligência, se ela não diz nada, e vive apenas de blá, blá, blá...
terça às 11:41 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Vem cá, o abrigo de Antares é adequado? Tão adequado que quase ninguém quer ficar lá! Conheci uma pessoa da Cinelândia que foi recolhido por vcs, e por falta de dinheiro ficou uma semana ou duas lá. Resultado? Pegou uma feroz conjuntivite ...lá, e contaminou quase todo o pessoal de rua da Cinelândia, e ainda, acabou transmitindo para pessoas que não eram de rua. Foi contaminado em Antares. Outro disse pra mim: "lá vc vai e ganha, tuberculose, coonjuntivite, etc... E até... Piolho". No meu livro falo de tudo que vi no Abrigo de Ilha do Governador, o Estela Maris. Vou colocar o capítulo que fala de minha ida ao banheiro:

O Banheiro...

Umas três da manhã, me apertei pra urinar. Aproveitei que o monitor estava ali sentado mexendo no celular e perguntei:
- Onde fica o banheiro? No qual ele respondeu:
- Fica no fundo daquele corredor ali. Disse apontando.
Ele estava perto, então deixei minhas coisas com o colchão em cima e fui me desapertar. Segui direto o caminho indicado, e no percurso, observei as pessoas deitadas dormindo no chão, perfiladas de um lado e do outro ao longo do corredor. Andei um pouco mais e no final virei à direita, e já escutava uma água jorrando intensamente, e a luz da segunda porta à esquerda, indicava o meu destino. Mas antes observei um casal sentado, num local, que era a área de lazer. Era bem escuro, não tinha lâmpadas ou estavam desligadas. Observei meio de lado, pela visão periférica, e segui. Ao entrar no banheiro, logo adentrando a porta, observei o primeiro dos três banheiros existentes, com um dos albergados sentado, num vaso de criança. Tão concentrado que nem me viu chegar. Ao visualizar esse vaso foi que saquei que ali, era na verdade, uma creche abandonada, e que a prefeitura achava "ideal" pra jogar a gente, pois não somos nada na visão deles, e nem podemos fazer exigências, pois somos considerados o lixo da sociedade. Enfim. Ao avistar o primeiro banheiro ocupado, fui verificar os outros dois. Visão bizarra! Os dois com água jorrando intensamente, numa imagem impressionante. Num era a água limpa transbordando em círculos, e no outro, tinha um cenário de fezes circulantes em sentido horário, e que mais pareciam um carrossel bostólico. Impressionante. Escolhi o que estava com água limpa, claro, e de ponta de pé, larguei meu líquido, afastando os pés, pra não melar de urina.
terça às 11:55 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Agora, Leila ** ****, diga que estou de blá, blá, blá...
terça às 11:58 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: Não acredito!! vamos respeitar uns aos outros galera, cada um tem sua opinião e o direito de expressar...
terça às 12:00 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque:

A Fila dos Colchões...

Terminamos o lanche e o funcionário mandou-nos formar a fila pra pegarmos nossos colchões. Fiquei atrás do Moisés. Lembra dele? Aquele lá da rua do restaurante que eu pego comida, e que já falei acima? Pois é. No cami...nho pra pegar os colchões, eu disse pra ele:
- Moisés, acho que vou pedir pra ir embora, não vou ficar aqui não. Tem muito problemático!
Mas ele disse:
- Rapaz, essa hora é perigoso lá fora - era quase 1 da manhã. Aqui na Ilha do Governador tem muito matador. É melhor a gente ficar e de manhazinha a gente vai embora.
- Então tá!
Fiquei mais tranqüilo porque tinha um conhecido. Isso ajudou. Um bom calmante.
- Peguem um colchão cada e podem escolher um lugar no chão aí no pátio pra dormir. Disse o funcionário.
Cada um pegou o seu, e aproveitei pra dá uma olhada no ambiente. O melhor lugar, em minha opinião e por segurança, era o vão de uns 6 metros quadrados, que contemplava o portão de saída. Fui pra lá e Moisés escolheu o lugar dele, que não sei onde foi. Uma coisa me tranqüilizou um pouco mais. É que ficam dois ou três monitores, em cadeiras, a noite inteira acordados, e observando o ambiente. Caso surjam problemas, interferem. No local que escolhi ficava uma das cadeiras e o funcionário fica a noite toda ali. Aceso, ligado em tudo. Aí... Beleza!
terça às 12:02 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Um pouco mais de blá, blá, blá, Leila da Lapa...

O dia do bote capangas" prefeituráveis"!

“Capangas entre aspas, porque nem todos que estão executando aquela função, estão porque quer. São pais de família, tem que responder em casa. Tem q...ue trabalhar. Mas quem manda não aparece, não é verdade?”

Nesse dia foi engraçado, depois do episódio com os moradores de rua, de dois dias atrás, como já descrevi acima, cheguei à Praça por volta das vinte horas. Estava o movimento normal rotineiro do vai e vem das pessoas da sociedade. Mas incrivelmente, não havia ninguém da rua, fora eu por ali. Aí por um momento pensei: “Ah! Que beleza! Tudo sossegado. A galera da bagunça não está na área. Ótimo”!
Mas ao mesmo tempo fiquei a refletir: “Bom. Mas dizem que silêncio demais pode trazer surpresas não tão agradáveis”.
E pensei em ficar um pouco ligado, pois o que podem os Guardas ter falado para o pessoal naquele dia pra ninguém aparecer? Devem ter dito: “Não queremos ninguém aqui. Se passarmos e os vermos novamente, vamos recolher todo mundo! Certo”?
Então pode ter sido essa mensagem que fez todos sumirem. Mas depois, falei: “Ah! Que nada! Vou dormir”.
O sino tocou as suas sonoras dez badaladas indicando o horário das 22 horas como de costume e continuei a minha rotina. Arrumei o circo pra mais uma noite de sono e... Bumm! Vinte minutos a meia hora depois já estava sonhando, quando acordei de repente com meu plástico sendo bruscamente puxado.
- Perdeu! Gritou um Guarda Municipal. Eu olhei e resisti um pouco.
- É o quê!? Perguntei ainda sonolento.
- Levanta ai vai.
Nisso eu já estava cercado por uns sete ou oito. Aí vi que não tinha jeito.
- Caramba! Tomei meu primeiro bote!
- Olha, você vai com a gente!
- Como? Vou pra onde? Não, não vou pra lugar nenhum não! Tinha os Guardas, os policiais administrativos da prefeitura, aqueles de colete azul (Agentes da Secretaria Especial da Ordem Pública do Rio de Janeiro - Seop), dois à paisana, que soube no outro dia, através da Paulista, que é ajudante do

51

Carlos de Albuquerque

Moisés, que eram Policiais Civis. Segundo ela ficou sabendo. Um negro e outro mais claro! Ambos de estatura mediana. Quando me viram resistir, um deles disse em tom de intimidação:
- Polícia! Você vai com a gente numa boa, mas se procurar problema vai pra delegacia.
- É. Espero que vocês não me batam, certo!?
O mais clarinho pegou no meu braço com força e disse:
- Não vou te bater não, mas se precisar eu te bato! Então, levanta aí, devagar...
- Preciso fazer uma ligação primeiro.
- Pode ligar pro caralho! Mas agora você vai.
Vi que não tinha para onde correr, e fui me levantando. A Kombi estava a me esperar. Levantei, e pegaram minhas coisas. A mochila e um saco. Foi engraçado, pois quando um deles pegou minha bagagem para colocar no fundo do carro, teve que parar dois metros depois, pois eu sempre amarro minhas coisas com uma linha daquelas de costurar sapato. Ela é super resistente. E ele ficou tentando puxar e nada da linha quebrar, até que um deles disse:
- Desamarra isso ai vai!
O que tava puxando, quando viu que foi seguro pela linha disse:
- O que é isso? Tá amarrado!? (risos).
Aí prosseguiram com o roteiro intimidatório. Levaram-me pra Kombi.
- Entra aí vai!
Entrei. Já tinha mais três ou quatro. No meio deles, fiquei aliviado quando vi o Moisés. Um Morador de Rua e catador de papelão que fica na Rua do Restaurante Pilão de Pedra onde pego a bóia, e que é gente boa! Todas as pessoas lá da Rua Evaristo da Veiga, que o conhecem gostam dele. A única coisa que ele gosta mesmo é de umas cachaças! De vez enquanto ele entorna uns goles a mais. Mas é um bebum alegre, ouve música no seu walkman, dança, brinca... Mas enfim. Já dentro do carro,

52

O Choque de Ordem... Equivocado

chegou um policial administrativo prefeiturável (agente do Seop), com a maior cara de Playboy, com aparelho nos dentes, alto, magro, me perguntou.
- Qual é seu nome?
Eu respondi com pouco de raiva por responder!
- Carlos Alberto Albuquerque.
- É de onde?
- Brasília.
- O que?
- Brasília!!! Berrei.
Aí me lembrando das histórias que contam muitos moradores de rua, de que muitas prefeituras e governos, costumavam, ou... Costumam? Pegar o pessoal de rua, colocar em comboios, e ó: Dá fim. Largar por estradas longínquas, como já foi relatado; a rodovia Rio - Santos. Ou levar a navios e jogar a galera em alto mar. Ou então podem seguir o exemplo do Departamento de Repressão à Mendicância. Órgão criado pelo então Governador do Rio de Janeiro, Carlos Lacerda. E que tinha a função de "limpar" a cidade. Como relatado no filme TOPOGRAFIA DE UM DESNUDO estrelado por Lima Duarte e grande elenco e que conta a repressão a ferro e sangue contra mendigos. E também como relatou uma amiga que conheci recentemente, que por causa da ECO 92, foram motivadas as ações na chacina da Candelária, que acabou de completar 18 anos. Aconteceu em 1993, no dia 23 de Julho daquele ano. Bom. Confesso que não estava com coragem ali naquela situação e fiquei com medo. Pensei em vários momentos, aproveitar a porta aberta e fugir correndo. Mas perderia meu material. Eles também eram muitos, poderiam me pegar e aí me moer de pancadas e levar pra delegacia, ou dar um fim mais cruel. Então abortei essa idéia.
Procurei me acalmar.
Então falei: “Caramba”!

53

Carlos de Albuquerque

Ainda parados, chamei um dos supostos policiais que estava ali e perguntei:
- Venha cá! Vocês estão me levando pro Albergue mesmo, não é?
Ele respondeu:
- Claro! Nosso trabalho é sério.
Eu disse:
- É, porque sei bem das histórias que rolam. Dizem que vocês costumam dá fim na gente:
- Não, pode ficar tranqüilo!
Mas não fiquei muito convencido não. Aí puxei minha carteira no bolso e disse:
- Olha, eu sou músico, e aqui está minha documentação (identidade civil e carteira profissional de músico pela OMB- DF / Ordem dos Músicos do Brasil, desde 1996).
- Tenho site na internet e acesso diariamente. Se eu ficar dois dias sem entrar, as pessoas vão saber que algo aconteceu. Só estou avisando!
Claro que estava com medo. Eu enfrento essa vida é mais com medo do que com coragem como as pessoas imaginam. Só que não deixo de enfrentar.
- Certo.
Disse ele e saiu.
terça às 12:06 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Se quiser mais um pouquinho de blá, blá, blá... É só pedir...
terça às 12:10 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque:

O Choque de Ordem... para recolher Moradores de Rua do Rio, em sua veia completamente equivocada...

O brasiliense Carlos de Albuquerque é cantor, compositor-letrista, ator amador, dançarino, escritor e agora se prepara também para uma nova profissão. A de modelo. Muitas facetas e um destino até agora. Morar na rua. Não conseguiu se enquadrar na missão de uma vida escolar normal. Por isso, a baixa qualificação profissional e seus traços de rebeldia, impulsionaram-no para uma guerra contra si mesmo e contra o mundo. Mas não, com violência, covardia. Nem com manipulações mentais como se costuma ver em muitos grupos religiosos. Mas com a sensatez e a imparcialidade de um olhar feroz sobre os acontecimentos do cotidiano. Não só da exclusão social, representada aqui pelos Moradores de Rua, mas também, pela organização social "normal" que faz questão de participar. Assim vive uma vida dupla. Consegue promover o diálogo entre excluídos e incluídos. Ricos e pobres. Faz com que um entenda o processo do outro. A violência dos jovens ricos contra os que dormem nas calçadas, é apenas falta de esclarecimento. Alguns se arriscam a se aproximar para conversar e sempre voltam. Até para falar com alguém fora do seu círculo familiar e de amizade. Alguém legal e imparcial. Conversar. Sendo assim. A vida o jogou na vivência com o cotidiano de uma vida considerada lixo pela sociedade e acabou por virar o jogo. Diálogo imparcial é o que essa sociedade precisa. Essa se tornou a sua missão.

A intenção deste livro é apenas esclarecer e sugerir. Não gosto da questão da punibilidade, quando se podem seguir caminhos menos contundentes e mais eficazes. Não acho interessante que essa publicação faça movimento nas autarquias jurídicas, com o intuito de iniciar processos contra o Seop, a Prefeitura e seus respectivos responsáveis legais. O que provavelmente incitaria mais violência contra nós. Não funciona agir com ódio contra eles, pois resultaria na má vontade e principalmente na ânsia de vingança. Muito melhor seria que este trabalho conseguisse, através de seu teor descritivo, argumentativo e sugestivo, trazer resultados práticos tanto para nós Moradores de Rua, quanto para eficácia e sensibilidade dos órgãos de ordem pública. No sentido, de que, o governo pudesse olhar-nos de forma mais realista. Todos sairão ganhando. Sem briga, sem ressentimento. Essa é a função destes escritos. Aprecie meu primeiro trabalho publicado. Um presente para nós Moradores e ex-Moradores de Rua. E porque não dizer, um presente interessante pro Governo também. Uma reflexão para todos nós e para a sociedade em geral.
terça às 12:29 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque:

 APRESENTAÇÃO

Falar de Carlos de Albuquerque é falar dos inúmeros Brasis que habitam este imenso país. Uma terra onde as diferenças sociais ainda gritantes marcam a pele de um povo, já cansado e explorado, com as cicatrizes da intolerância. ...Mal que cresce nos lares, mas que nasce e se desenvolve do lado de fora, nas ruas, avenidas e praças de nossas cidades.
Cantor, ator, poeta, escritor. Trovador das frases de escárnio de quem conduz a vida como observador atento, sagaz em sua experiência. Sua arte nasce do abstrato asfalto que cobre os caminhos, dos desenhos desfigurados das lajotas que cobrem as calçadas, do desaconchego de uma cama de papelão e um cobertor de jornal.
Carlos mora nas ruas. Tem família em Brasília, mas prefere a vida errante daqueles que não têm um teto. Sua casa são as marquises dos edifícios e das lojas onde ele estabelece como nômade experiente que é. Da caatinga ao concreto armado e vidro; sua morada provisória. Viveu muitos anos em Salvador, cidade que conhecia como a palma de sua mão. Assim como as figuras que todo dia por ele passavam.
Conhecendo tantos segredos, vigiando tantos pudores, poderia até virar personagem de livro de Jorge Amado. Mas quis o destino que o personagem virasse escritor. E assim Carlos foi registrando seus pensamentos e suas vivências. Formando crônicas que mais pareciam sair das páginas de um jornal: a vida factual, presente, sem máscaras ou efeitos, assim como ela é: desprovida de beleza para alguns, mas repleta de poesia e imaginação para outros.
Carlos tem lá sua vaidade, já posou como modelo para fotos, virou tema de documentário e gravou música em estúdio.
Mas a sua eloqüência é natural, talhada a golpes de cassetete e refinada em seu ritual de caça pelas ruas em busca de comida deixada nas lixeiras. Sem encontrar entre os de sua raça um ninho acolhedor, vira ave de rapina pronta a devorar a presa abandonada por outrem. E é preciso estilo, coragem e audácia para admiti-lo e vivenciá-lo por escolha. Porque Carlos não é homem de se humilhar, não. Ele tem brio. Por nada ter acumulado ao longo de sua vida nas ruas, nada teme perder. Prefere o banco da praça, a roupa doada, a moeda encontrada a ter que se curvar diante de um poder que não aceita como ideal. Mas que também não teme. O desafia a todo instante, como que apontando o dedo em sua cara, reforçando como exemplo vivo a teoria de sua ineficiência. Da revolta, tira o verso; da consciência, o desabafo.
Carlos é navalha na carne da sociedade, é o dedo na ferida, a voz não ouvida pelos repórteres de plantão e agora edita, de próprio punho, aquilo que os seus semelhantes tentaram nele calar para esconder dos holofotes da Verdade: a discrepância e a hipocrisia contida nos atos dos Poderes que o representam. A ganância dos burgueses, a decadência dos bordéis. A sociedade vista de fora. Por quem não a representa.

Maurício Businari
Jornalista
terça às 12:33 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila ******: Ai não estou mais entendendo o que esse post tá virando, galera vamos focar no assunto, tá totalmente dispersado aqui, quer comentar sobre o assunto que está em destaque, legal, mas não é isso que tá acontecendo.
terça às 12:35 · CurtirCurtir (desfazer) · 1 pessoa

Carlos de Albuquerque: srsrsr Priscila tá perdida!!!! Mas é isso. Vou parar, desde que não peçam mais, claro!!!
terça às 12:37 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Tem que ter uma mediadora. E já temos. srsrsrs Vamo focar, a pedido da Priscila...
terça às 12:39 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila ******: não me interprete mal Carlos, é que senão agente se perde aqui, eu não to falando diretamente com vc, outras pessoas aqui tbm fazem isso, bom c vcs acham que vale a pena continuar e perdermos o foco do assunto, mas acho que o legal eh seguirmos o assunto em destaque...
terça às 12:43 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: O assunto em destaque era o post da abordagem do morador de rua com drogas flagrado pelo SMAS... Comentei e começaram a a bater abaixo da linha da cintura... Aí, tive que reagir. Só elas falando não dá, né?!?
terça às 12:46 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila ******: verdade, concordo, vc tem q se defender claro, afinal ngm gosta de ser atacado neh.
terça às 12:46 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerqu: Pô!
terça às 12:47 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: É o mínimo..
terça às 12:47 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Se é pra sair do foco a gente sai... Ora!!!
terça às 12:47 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila ******: verdade ngm aki tem que ficar saindo do assunto e ofender ngm, aqui cada um tem sua opinião
terça às 12:48 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Então pronto. Procure em tudo que escrevi até agora, e não achará uma palavra de baixo calão, ou acusação a quem quer que seja...
terça às 12:49 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: O pessoal aí é funcionário de Bethlem e é natural que revidem. Mas se vir pra cima de mim, vai ficar pior. Porque não me calo. Mas não fico ofendendo ninguém. Uso argumentos. É isso é o que não me falta.
terça às 12:52 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Mas enfim...
terça às 12:52 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Na verdade, não tenho mais o que comentar sobre o post de Bethlem, já que fiz isso no primeiro comentário. Agora tô meio sem direção. Se alguém aí mandar as suas mando as minhas. srsrsrsr Ajo aqui dentro da "ação e reação".
terça às 12:54 · CurtirCurtir (desfazer).

Priscila *****: entendo...
terça às 12:56 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Mas acho que já tem bastante aí pra refletir sobre o assunto.
terça às 13:00 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Aê!!!! Priscila, botou ordem na casa, hein?!? srsrsrsahauhauhau
terça às 13:07 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Pricscila a Maria ** ***** fez este comentário: Maria ** ***** ****** Amigo, fico feliz em te conhecer ha muito tempo! O caso eh serio: no domingo soube de varios sem-teto que alguns funcionarios de determinados Albergues estao cobrando 2 re...ais para que as pessoas pudessem dormir. Você poderia apurar isso? Eh muito grave! Um bj, sucesso
há 36 minutos · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Não. Não! Não apuro nada. Isso não é comigo. Êpa!!!!! Não quero criar problema pra ninguém. Que fique bem claro que não desejo contribuir com retaliações a funcionários. Se querem punir alguém, não o desempregue, o oriente. Não tá fácil pra ninguém se empregar hoje em dia. E se punirem as pessoas, eles virão pra cima de mim, e consequentemente, pra cima do pessoal de rua. Afinal, quem atua nas madrugadas são eles. Cuidado com isso porfavor. nada a ver uma coisa com outra, hein, bethlem e Maria Do ***** ****.
terça às 13:16 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: O perfil da Maria ** ****** *******: http://www.facebook.com/pr​ofile.php?id=***************
terça às 13:19 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Cuidado com isso pessoal.
terça às 13:21 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Inclusive, vou fazer até um panfletinho, sem o nome da Maria do Carmo, claro, com a dúvida dela e minha resposta, jogar nas mãos dos agentes quando me bater com eles. Será a prova de que não tenho nada com isso. O que tô tentando passar é outra coisa.
terça às 13:32 · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos Alberto: sr. secretário o sr. é uma beeeeeeeeeeeeeeeeeeeenção!​!!!!!!!
terça às 16:13 · CurtirCurtir (desfazer) · 3 pessoas

Carlos de Albuquerque: Não sei, mas tudo indica que acabei de cruzar por 4 mulheres na Lapa, perto dos Banheiros químicos, que me pareceram familiares. Acho que eram algumas das pessoas que comentaram aqui. Umas me olharam e pareceram me reconhecerem, e aí mostra...ram pra outras, que ficaram olhando pra trás muitas vezes. Eu também desconfiei que eram elas. Também fiquei olhando pra trás pra tirar as dúvidas. Ainda cruzei com mais duas, uns 60 metros atrás delas, que me olharam rapidamente. Mas nem eu nem elas parou pra confirmar, já que era dúvida generalizada. Quando eu vi que olhavam bastante, fiz mímica com as mãos, simulando estar teclando no computador. Achei muito parecidas. Acho que eram algumas das pessoas aqui em questão. Parece que vinham de alguma reunião. Só elas pra tirar mesmo as dúvidas. Agora... eram 4 mulheres grandes. Magrinho como sou... Coitado de mim, se viessem me bater... ahauhauhauhauha
há 15 horas · CurtirCurtir (desfazer).

Mary ** ********: BENÇÃO, ILUMINADO POR DEUS E MUITO COMPETENTE!!!!! CARLOS ALBERTTO, ESTAMOS JUNTOS... JUNTOS PARA VENCER COM A FORÇA DE DEUS E A GARRA DE ROGRIGO BETHLEM.RS RS RS
há 15 horas · CurtirCurtir (desfazer).

Carlos de Albuquerque: Carlos de Albuquerque: Pricscila a Maria ** ***** fez este comentário: ATENÇÃO: ESSE POST É APENAS PRA COLOCAR MINHAS RESPOSTAS A MARIA DO CARMO, QUE, EQUIVOCADO, COMENTEI MENSAGEM PRO BETHLEM PENSANDO QUE ERA PRA MIM. Maria ** ****** diz para Bethlem Amigo, fico feliz em te conhecer ha muito tempo! O caso eh serio: no domingo soube de varios sem-teto que alguns funcionarios de determinados Albergues estao cobrando 2 re...ais para que as pessoas pudessem dormir. Você poderia apurar isso? Eh muito grave! Um bj, sucesso
há 36 minutos · CurtirCurtir (desfazer).

RESPONDI COMO SE FOSSE COMIGO: Carlos de Albuquerque Não. Não! Não apuro nada. Isso não é comigo. Êpa!!!!! Não quero criar problema pra ninguém. Que fique bem claro que não desejo contribuir com retaliações a funcionários. Se querem punir alguém, não o desempregue, o oriente. Não tá fácil pra ninguém se empregar hoje em dia. E se punirem as pessoas, eles virão pra cima de mim, e consequentemente, pra cima do pessoal de rua. Afinal, quem atua nas madrugadas são eles. Cuidado com isso porfavor. Nada a ver uma coisa com outra, hein, bethlem e Maria Do ****** *****. EU JÁ EM DÚVIDA DISSE: Carlos de Albuquerque: Acho que me confundi aqui. A Maria Do ****** ***** mandou esse recado foi pra mim ou pra quem? Respondi como se fosse comigo que ela estava falando. Mas vale mesmo assim o que eu respondi. Mesmo que não tenha se referido a mim.
terça às 13:42 · CurtirCurtir (desfazer).

AGORA SIM, ELA ESCLARECE: Maria Do ***** *****: Para o Secretario de Assistencia Social RODRIGO , jah que estah no Mural DELE! OK???? OBVIO!!!!!
terça às 15:33 · CurtirCurtir (desfazer).

Maria Do ****** *****: Eu nem o conheco Sr. Carlos!!!!
terça às 15:35 · CurtirCurtir (desfazer) · 1 pessoa

Carlos de Albuquerque: Ah! Sim. Valeu Maria do *****. É que sou novo no Face e fiquei confuso. Respondi. Pensei que era comigo. Mas tá valendo. Ele pode apurar o que quiser. Eu é que não posso me comprometer dessa maneira.
há 10 minutos · CurtirCurtir (desfazer).

UFA!!!! FIM.

2 comentários:

  1. Valeu mesmo Carlos, assim como você, também apoiamos este belo trabalho desenvolvido por um político de verdade, que entende nossa Cidade e luta a cada dia por um Rio melhor. Parabéns Carlos e parabéns Rodrigo Bethlem, estamos juntos!

    ResponderExcluir
  2. Só quero ver se essa internação compulsória vai mesmo recuperar essas pessoas. Não estou apoiando ou deixando de apoiar as ações do Rodrigo Bethlem, tô espondo meu ponto de vista de quem é um dos recolhidos pelo SMAS. Independente do governo, partido ou pessoa à frente da gestão, não me interessa. Por isso não me vinculo a ninguém. Me mantenho livre de compromisso com grupos, para poder dizer o que precisa ser dito. Tenho certo poder de comunicação e não posso permitir que minhas palavras sejam distorcidas, subtraídas ou induzidas por este ou aquele grupo, e seus interesses.

    ResponderExcluir

Veja mais textos meus de várias fases publicados no Recanto das Letras, clicando aqui! Tem muito romantismo também... Confira.



Navegue pelo mapa. Mais detalhes clique na marca GOOGLE, na parte inferior esquerda do mapa.