PARA QUEM VIVE A CONDENAR A "COPA DO MUNDO NO BRASIL" POR TODAS AS DESGRAÇAS DO BRASIL

VEJA A TREMENDA ARRECADAÇÃO DE IMPOSTOS DO GOVERNO, E QUASE NADA É FEITO EM PROL DO PAÍS! VALE LEMBRAR QUE SÓ EM 2013, FORAM ARRECADADOS, QUASE 1 (UM) TRILHÃO E 700 (SETECENTOS) BILHÕES DE REAIS. AGORA VIVEM A PERSEGUIR A FIFA E A COPA DO MUNDO. QUANDO DEVERIAM PERGUNTAR AO GOVERNO FEDERAL ONDE ESTÁ ESTE MONTANTE, E O QUE ESTÁ SENDO FEITO DELE. Get Adobe Flash player

CONHEÇA MINHA LOJA VIRTUAL!

seta-imagem-animada-0538 Olá Tudo bem? Seja bem vindo (a) à minha LOJA VIRTUAL em parceria com o Magazine Luíza. Para entrar na loja e buscar ótimas promoções, basta CLICAR AQUI e ir direto.

Fique tranquilo (a) que a página, assim como meu Blog são totalmente seguros. Apenas sou um divulgador e ganho comissão por cada venda. Eu não tenho acesso a nada. Tudo fica a cargo da própria empresa, desde processar seu pagamento em ambiente seguro, como, suporte, entrega e toda logística da sua compra. Tudo muito profissional.

Obrigado por ter vindo! Espero que goste. Bons negócios!

Carlos de Albuquerque
Ouça-me cantar a canção "O Que Me Completa"! Composição: Ana Cristina Intérprete: Carlos de Albuquerque Piano: Bruno Aranha Gravado no estúdio de Ataualba Meirelles Técnico de Gravação: Gilvan Alves Salvador-Bahia-Brasil / Março de 2007

TRADUZA PARA 100 IDIOMAS / NOTA: COMPATÍVEL COM NAVEGADOR GOOGLE CHROME, SAFARI E OUTROS

20 ANOS DE AUTO-EXÍLIO. FALTA POUCO...

Falta pouco pra eu completar 20 anos de Auto-Exílio, em DIAS/HORAS/MINUTOS E SEGUNDOS. Cumprindo assim, minha dolorosa promessa, de, só voltar a pisar na minha terra, local de nascimento, no caso, Ceilândia-Norte / Brasília - Distrito Federal, em duas condições: ou rico e bem sucedido, ou pelo menos, bem encaminhado, e/ou quando completasse 20 anos de ausência. Assim, pretendo enfrentar a dolorosa missão de ir à minha terrinha no ano que vem... Enfrentar minhas dores das perdas e sorrir um pouco, talvez. Não conseguiria prosseguir, abandonando de vez o meu passado. Se alguém sente saudades de mim, ou queira talvez, me matar e me aniquilar por algum erro, essa será a chance de ouro. Embora, a função desse objetivo duro, também envolve a minha obrigação de reparação de erros que, infelizmente fugiu ao meu controle. Quem conhece minha vida de perto, pode imaginar do que estou falando. Tenho um dívida impagável por questões éticas, mas pode ser consertada por condições matemáticas. Isso eu farei à aquela família... Enfim... Estarei lá, pra enfrentar o bem e o mal. Abraços e até lá.

A PROVA DE QUE A MAIORIA DOS VERMELHOS SÃO MASSA DE MANOBRA

ATENÇÃO! Atualizações Semanais deste Blog

MAIS UMA NOVIDADE PARA VOCÊ!
ATENÇÃO! NÃO TENHO CUMPRIDO O ROTEIRO DE POSTAR ÀS SEGUNDAS, PORQUE TENHO TIDO POUCO ACESSO À INTERNET, MAS EM BREVE, VOLTAREI A ESTA ROTINA.

AGRADEÇO À COMPREENSÃO!

Olá! A partir de 20/04/2015, farei um post novo e publicarei toda Segunda-Feira. Sempre com um tema diferente. Será postado entre Meia Noite e 1 (uma) da madrugada das Segundas, pontualmente. Ou posso postar a qualquer momento também. Mas esse dia da semana será obrigatório pra mim. Posts fora desse dia específico serão facultativos. Abraços! Espero que gostem... Ou não, da novidade. De qualquer jeito será assim. (risos)Obrigado pela visita! SEJA BEM VINDO (A)!

O Jeffersonn pegou o sentido da contribuição financeira que a Evanette me confiou hoje!

DEPOIMENTOS VIA FACEBOOK

Jeffersonn Oliveira

Acredito que, se esta ajudando este rapaz , o ''trocadilho'' adulto esperança foi bem empregado, e eu entendi perfeitamente que você esta ajudando alguém a colocar uma ideia em prática ....
Curtir (desfazer) · 1 · há 16 minutos

Evanette Oliveira
Perfeitamente Jeffersonn Oliveira você me conhece e sabe como sou...
Curtir (desfazer) · 1 · há 11 minutos

Isso vale pra outras pessoas que me ajudam! Obrigado!
Carlos de Albuquerque
Rio de Janeiro/Curitiba-PR, 28 de Outubro de 2013

Aqui você traduz diretamente para 08 (oito) idiomas básicos

LEIA 20 PÁGINAS DO MEU LIVRO GRÁTIS. NA PÁGINA 21 VOCÊ PODERÁ COMPRAR, SE ASSIM DESEJAR!

Olá pessoal! Finalmente, meu livro, agora profissionalizado, está disponível pra venda e esta é a melhor maneira que você tem pra me ajudar na minha dura trajetória. Se puder, tiver tempo e quiser, pode ajudar a divulgar este livro, que nada mais é, que o retrato da vida real. A vida tem reveses e qualquer um, pode correr o risco de ir parar nas ruas. Rico, pobre, tímidos, extrovertidos, estudiosos, preguiçosos, drogados ou não, apostadores de loterias, jogadores de jogos de azar... Donas de casas, empresários (as)... Qualquer um está sujeito. Ninguém está imune. Artistas, professores de idiomas, bancários, funcionários públicos, vítimas de desastres naturais, como enchentes, deslizamentos de terra... Incêndios, vítimas da bitolação nos estudos, vítimas da igrejas, principalmente, do seguimento evangélico... Enfim. Este livro mostra que qualquer um pode vir a parar nas ruas, e que nem o governo, e muito menos a sociedade, quer saber do seu passado. Pra eles o que importa é o presente. E no momento, o Morador de Rua é o "lixo" da sociedade. Assim agem de acordo. Abraços e obrigado! PARA COMPRAR CLIQUE AQUI

Em São Paulo, recebendo o Prêmio Nacional de Excelência e Qualidade Brasil 2015

Atenção! Abra os olhos e fique esperto (a)! LEIA O ALERTA ABAIXO COM MUITA ATENÇÃO!!!
Cuidado com seu domínio. Empresas estão de olho, e querem ganhar dinheiro as custas da sua história.

Se você tem um domínio próprio, tome cuidado, e não esqueça de renovar anualmente, pois empresas americanas estão monitorando a valorização de marcas e mesmo sem ter nenhuma história vinculada a elas, as registram em seus nomes, quando percebem que a pessoa esqueceu de renovar. Assim, querem faturar alto às custas da sua história. Esta empresa de domínios, americana, é uma delas. É a terceira já. Registrou meu domínio www.carlosdealbuquerque.com e quer me tirar quase 3 (três) mil reais, por enquanto, para eu ter de volta o que é meu por direito histórico. São iguais abutres / urubus, que ficam só esperando os outros trabalharem para conseguirem sua sobrevivência. São incapazes de caminhar com suas próprias pernas.

Perdeu o Globo Repórter em que fui personagem? Assista minha participação no programa, agora...

Suas pesquisas na Web

Pesquisa personalizada

segunda-feira, 11 de maio de 2015

Urinar... Mijar... Fazer Xixi na rua não pode! Sem banheiro público, não pode ter cerveja

Muita das contradições são encontradas no nosso dia-a-dia. Há muitos assuntos para se desenvolver uma explanação. Uma nova pauta. Uma delas é o fato da Prefeitura do Rio ter a intenção de multar e reprimir, este último já fazem, os mijões em vias públicas. Sim... Não estão errados. Já que realmente, urinar na rua não é nada civilizado. Entretanto, não se pode deixar de observar, o fato de que, quem bebe cerveja, por exemplo, enche a bexiga e com certeza precisará se aliviar. Isso é certo e inadiável. O problema, é que em fins de semana, por exemplo, momentos em que as pessoas vão sair para se divertirem ou se distraírem depois de 1 (uma) semana de trabalho, em sua maioria, vão beber. Uma maneira de aliviar os problemas e se anestesiarem um pouco. Ok. Mas tudo começa, quando bebem e muitas vezes precisam se aliviar. No caso do Rio de Janeiro, a prefeitura instalou a tolerância ZERO na cidade. Porém, a falta de banheiros públicos em quantidade suficiente para a demanda, é uma deficiência notável nas estratégias de governo. É preciso cobrar sim, mas tem que ter estrutura adequada. A pessoa bebeu, mas não tem onde urinar. Como fica então?


              O GOVERNO TEM QUE FAZER A SUA PARTE PARA COBRAR OBRIGAÇÕES DA POPULAÇÃO

A repressão aos mijões torna-se necessária, mas, ou a prefeitura instala banheiros públicos suficientes, ou então proíbe todo mundo de beber cerveja. SURREAL, MAS É VERDADE. Ora, se o que faz as pessoas terem a necessidade, é o fato de beberem, então como a prefeitura acha que vão encher a barriga (sic) de líquido, que uma hora ou outra "pedirá", o organismo, o esvaziamento para que entre mais? É impossível beber e não mijar. Isso não dá.

                                               Ei... Eiiiii! Aí não. Aí não pode mijar...

... Gritam os guardas particulares designados de: APOIO, para um mijão, que com certeza já tinha começado e se molhou todo, fora a dor de cortar o mijo repentinamente. Soma-se a isso, o constrangimento. A cena acima acontece muito na Lapa, nesse caso, foi num cantinho ao lado de um depósito de bebidas. Um não, dois depósitos + três quiosques de lanches e bebidas. Ora, ora, ora... O cara cercado de locais próprios para o consumo de bebidas alcoólicas, e então, o indivíduo não pode se aliviar. Naquele local ali, já teve uns 10 (dez) banheiros químicos disponibilizados pela Prefeitura do Rio, e não apenas ali, mas em toda a Lapa. Nos famosos Arcos também. Mas de um tempo para cá eles resolveram tirar todos e não mais disponibilizar. Os motivos, não me perguntem. Eu não sei. Talvez, pelo fato de, os banheiros terem uma manutenção deficiente, e muitas vezes se entupiam de tudo quanto é porcaria, que, apesar da manutenção diária, muitas vezes, a empresa responsável, os abandonava até uma semana, e as vezes, dois, três dias. Assim, ficavam sem a mínima condição de alguém entrar neles.


         SEGUNDO A PREFEITURA, OS ESTABELECIMENTOS COMERCIAIS TEM A OBRIGAÇÃO DE CEDER SEUS BANHEIROS...

Nesse caso, eles jogam um problema deles nas costas de quem já paga absurdos em impostos e direitos trabalhistas e de manutenção, para terem um banheiro decente disponibilizados aos clientes da casa. Então, como no Carnaval por exemplo, que as casas ficam lotadas, realmente, fica difícil disponibilizar banheiro para todos que precisam, em grandes eventos. Isso não é problema de um restaurante, por exemplo. É preciso cobrar que as pessoas sejam civilizadas, mas também é necessário alguma estrutura. Mijar na rua, é uma cultura. Uma má cultura, aliás. Mas realmente, fica difícil ser de outra maneira.

UMA COISA É CERTA. TODO  MIJÃO, NA SUA MAIORIA,  MESMO QUE ESTEJA AOS TOMBOS CONSEGUE ENXERGAR UM BANHEIRO À SUA FRENTE. JÁ VI MUITOS. OUTROS NÃO...

A pessoa bebeu bastante, está às quedas, mas consegue enxergar um banheiro à sua frente. Se ele mija em locais inadequados, é por necessidade, e não por safadeza... sem-vergonhice, falta de educação, mas sim, porque precisa se aliviar. Isso é uma necessidade fisiológica incontestável. Afinal, as pessoas precisam disso. Precisam beber para se anestesiarem ou se enturmarem. Uns o fazem para ter coragem de chegar naquela gata. Outros, simplesmente, para estar bem em seu grupo. Há poucos casos, em que a pessoa bebe para praticar certos atos violentos também. Mas sempre há um motivo. E os governos sabem disso, e por isso não proíbem bebidas alcoólicas. Claro, é preciso ter certa "sobriedade" para não fazer besteiras depois de beber, mas é também uma necessidade, que deve ser respeitada até certo ponto. Desde que não façam vítimas, a bebida é legal. Literalmente legal.

     MAS CLARO, MUITO CUIDADO COM ALGUMAS COMBINAÇÕES PERIGOSAS...

Sendo assim, tudo bem. É preciso que a Prefeitura estruture a cidade com banheiros públicos, para, só então, ter alguma moral para aplicar multas ou reprimir os mijões. Isso é necessário. Ou então vão ter que proibir o consumo de bebidas alcoólicas em massa. Isso é improvável. Afinal, a bebida legalizada é uma excelente fonte de impostos. E as pessoas também precisam disso. 

     QUE SEJAMOS SENSATOS. SER REPREENDIDO (A) NÃO É NADA LEGAL, MAS...

É preciso ter consciência de ambos os lados. É chato e constrangedor, ser chamado atenção, mas também é necessário que as cidades funcionem de acordo.

Conheça a minha mais nova parceria: 
Minha loja virtual em parceria com Magazine Luisa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Veja mais textos meus de várias fases publicados no Recanto das Letras, clicando aqui! Tem muito romantismo também... Confira.



Navegue pelo mapa. Mais detalhes clique na marca GOOGLE, na parte inferior esquerda do mapa.